Júri ESC Brasil: Uma conversa com Filipe Pinto!


O nosso segundo jurado é:

Filipe Pinto!

O jovem começou sua carreira no Ídolos e, a princípio, só queria saber a opinião dos juízes. Mas acabou ganhando e se tornando um importante artista do cenário musical português. Ele tem dois álbuns lançados, ganhou o prêmio de Melhor Artista de Portugal no MTV Europe Music Awards em 2013, e recentemente publicou a 8ª edição de seu projeto o ‘Planeta Limpo do Filipe Pinto’, que tem como objetivo levar  consciência ambiental para crianças. O cantor conversou com o ESC Brasil, falou de seu álbum “E tudo gira”, do Festival da Canção, e de música brasileira! Confira!

1. Olá Filipe! Tudo bem? Vamos começar falando do Ídolos? Muitos acreditam    que a 3ª edição foi bastante concorrida. Você foi o vencedor na final, mas como foi essa experiência? Você esperava ganhar? Importante lembrar que a princípio você só queria a “opinião” do júri!

A terceira edição do programa Ídolos Portugal foi muito notória. O impacto foi grande ªe senti que muitos portugueses me acarinharam e me permitiram ganhar o prémio que foi uma bolsa de estudos em Londres na London Music School. Não tinha inicialmente a clareza para entender onde me encontrava. Duas amigas minhas inscreveram-me sem eu imaginar e naquele momento um lado de mim gostava de tentar e perceber se haveria chances…O outro tinha receio da exposição mediática e do formato daquele tipo de programas, que não são voltados a 100% para a música. Mas aprendi com o programa que somos nós quem tem de “puxar a carroça” ou seja trabalhar com afinco e acreditar que a música pode ser um lugar bastante especial…E tornou-se felizmente…

2. Diana Piedade e Carlos Costa competiram contra você no Ídolos, e já estiveram no palco do Festival da Canção. Esse ano, Salvador Sobral, outro ex-concorrente seu, participará esse ano da final nacional portuguesa. Você teria interesse em participar do Festival da Canção? Se sim, que tipo de canção você prepararia para concorrer?

A verdade do Festival da Canção é que vários colegas de profissão concorreram e de facto poder representar o País nessa campanha seria estrondoso… Mas creio que terei de amadurecer mais as minhas composições e mostrar algo de tradicional no nosso País.

3. Você tem o costume de acompanhar o Eurovision? O que você acha das canções que Portugal tem enviado para a competição?

Portugal não tem tido sorte creio… Mas também considero que são vários países a concorrer e a música tem variadíssimos estilos e gostos… A vitória das nossas canções está dependente da melhor prestação, da voz e de uma melodia que contagie o diferente público… A nossa Lúcia Moniz foi quem atingiu a posição mais perto do pódio lugar 6, pode ser que seja este ano que entremos no pódio!=)

4. Ano passado, você lançou o álbum “E tudo gira”, e as coisas parecem estar indo muito bem! Quais são os planos do Filipe Pinto para 2017?

O disco E Tudo Gira que significa tudo se movimenta na nossa vida e tudo é um ciclo de altos e baixos tem corrido bem com a promoção…Espero este ano apresentar ao público português nos concertos e noutras plataformas como novelas, teatro ou festivais… A canção que destaco no disco chama-se (In)fortúnios

5. Você lançou três álbuns em português, mas muitas de suas músicas do Ídolos foram em inglês. Você pensa em lançar algo em inglês no futuro?

Neste momento desde o programa Ídolos dedico-me à música no entanto gosto de estar sempre atualizado na minha formação em Eng. Florestal que o projeto infantil ‘O Planeta Limpo’ acaba por ir buscar muita dessa formação.

6. Você é músico, mas também é formado em Engenharia Ambiental. Você consegue conciliar essas duas vertentes de trabalho? Acredita que no futuro poderá abrir mão de uma das duas?

Neste momento desde o programa Ídolos dedico-me à música, no entanto gosto de estar sempre atualizado na minha formação em Engenharia Florestal, que o projeto infantil ‘O Planeta Limpo’ acaba por ir buscar muita dessa formação.

7. Seu segundo álbum, “O planeta limpo do Filipe Pinto”, tem uma proposta ecológica bastante interessante. Você tem plano de lançar outro trabalho tratando da temática ambiental?

O objetivo deste projeto ambiental é apresentar não só em Portugal mas também fora do País. Lançamos um novo livro uma continuidade da história que chamamos de “O Planeta Limpo do Filipe Pinto – Mais Energia” falando das energias renováveis para o pré-escolar, 1ºciclo e 2ºciclos crianças entre os 3 e os 12 anos.

8. Você está participando de um projeto de um site brasileiro sobre Eurovision. O que você conhece sobre música brasileira? Algum artista de nosso país está entre os seus favoritos?

Em criança, assisti a muitos filmes da Disney com tradução brasileira e inclusive as músicas, na altura sempre admirei artistas como Jon Secada e Daniela Mercury, Ivete Sangalo e também Mamonas Assassinas… Hoje em dia ouço música brasileira e descubro Rappa, Natiruts, Seu Jorge ou Gabriel o Pensador

9. Depois de uma vitória no ídolos, qual foi a sua principal conquista como artista?

O prêmio MTV Best Portuguese Act 2013 representei Portugal na cerimônia dos EMA AMSTERDAM em 2013

10. Mande uma mensagem para os fãs de Eurovision do Brasil e do mundo!

Para todos os fãs do Eurovision do Brasil um forte e caloroso abraço aqui de Portugal e acredito que este ano a competição junte mais e mais telespectadores e fãs a assistir!

What's Your Reaction?
Raiva Raiva
0
Raiva
Legal Legal
1
Legal
AMO AMO
2
AMO
O QUÊ? O QUÊ?
0
O QUÊ?
NÃAAAO! NÃAAAO!
0
NÃAAAO!
Fofo Fofo
0
Fofo
Flop Flop
0
Flop
WIN WIN
0
WIN

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Júri ESC Brasil: Uma conversa com Filipe Pinto!

log in

reset password

Back to
log in
Free WordPress Themes
Choose A Format
Personality quiz
Trivia quiz
Poll
Story
List
Meme
Video
Audio
Image